Sem querer me intrometer | Mariana Baptista

Resenha: A Cabana | William P. Young



Título: A Cabana
Original: The Shack
Autor: William P. Young
Editora: Sextante
Páginas: 240
Avaliação: ★★





A filha mais nova de Mackenzie Allen Philip foi raptada durante as férias em família e há evidências de que ela foi brutalmente assassinada e abandonada numa cabana. Quatro anos mais tarde, Mack recebe... leia mais uma nota suspeita, aparentemente vinda de Deus, convidando-o para voltar àquela cabana para passar o fim de semana. Ignorando alertas de que poderia ser uma cilada, ele segue numa tarde de inverno e volta a cenário de seu pior pesadelo. O que encontra lá muda sua vida para sempre. Num mundo em que religião parece tornar-se irrelevante, "A Cabana" invoca a pergunta: "Se Deus é tão poderoso e tão cheio de amor, por que não faz nada para amenizar a dor e o sofrimento do mundo?" As respostas encontradas por Mack surpreenderão você e, provavelmente, o transformarão tanto quanto ele.

     Já fazia muito tempo que eu queria ler esse livro, e acho que esperava tanto dele, que acabei me decepcionando. Achei que A Cabana me ensinaria muitas lições e me emocionaria muito, mas não foi exatamente isso que aconteceu.

     A Cabana conta a estória de Mackenzie Allen, pai dedicado de cinco filhos, marido apaixonado por sua mulher Nan e um maravilhoso amigo para o escritor Willie. Apesar de nunca ter sido alguém muito comunicativo, Mack cativava à todos com suas boas conversas, até que uma tragédia apagou qualquer felicidade da alma desse homem.

     Mack tinha viajado com seus três filhos mais novos (ainda crianças) para acampar em um belo local onde várias famílias costumavam passar um tempo juntos. Tudo estava tranquilo e encantador, e Mack percebia cada vez mais o quanto era apaixonado por seus filhos, principalmente, sua caçula, Missy, uma menina muito inteligente apesar da pouca idade.

Ela é linda demais, pensou Mack, olhando embevecido a filha (...). Capítulo 2, pág. 40

     Mas uma tragédia marcou a viagem da família: Com exceção de Missy, os outros filhos de Mack resolveram fazer um passeio de canoa no rio que cercava o local onde estavam acampando, quando de repente, a pequena canoa virou, colocando a vida dos dois em risco. Ao se deparar com aquela situação, Mack deixou Missy brincando próxima ao local e correu para ajudar os outros filhos.
     O acidente foi evitado, mas ao voltar para onde a caçula estava, ela havia sumido.

     Depois de investigações policiais, descobriu-se que Missy foi assassinada por um serial killer que costumava fazer vítimas daquela idade. Embora o corpo não tenha sido encontrado, a morte da pequena menina foi confirmada pelos investigadores.

     A partir de então, Mack desligou-se totalmente de qualquer esperança na sociedade, inclusive, deixou de acreditar em Deus. Até que um dia, o protagonista recebe uma estranha carta, assinada por Papai, pedindo que ele o encontrasse na cabana onde Missy fora assassinada. 
     O pai de Mack, com quem ele nunca se deu bem, havia morrido há muitos anos, então, no início, Allen considerou aquela carta apenas uma brincadeira de péssimo gosto. Porém, ao lembrar-se que sua mulher, Nan, costumava referir-se à Deus como Papai, Mack resolveu que iria à cabana tentar entender o que estava acontecendo.

(...) somente uma brincadeira cruel. Mas por que estava assinado "Papai"? Capítulo 4, pág. 59

     Chegando à cabana, Mack encontra-se com Deus, Jesus e o Espírito Santo, e passa dias aprendendo sobre a humanidade, a esperança, a maldade do mundo e a atuação divina na Terra.
     Deus pretende fazer com que Mack volte a ter e comece, de fato, a encarar sua vida após a morte da filha.

     A Cabana é um livro extremamente religioso. Embora muitas pessoas consigam desvincular as mensagens transmitidas na obra da filosofia cristã, eu sinceramente não consigo.
     Até para mim, que acredito em Deus, foi extremamente difícil "engolir" algumas passagens de A Cabana. Achei a obra, em vários momentos, bastante forçada.

     A narrativa é bastante complexa e exige muita atenção do leitor, o que atrasa um pouco a leitura. Porém, com a narração em primeira pessoa de Mack, temos acessos à várias emoções que fazem o livro valer a pena.

     Volto a dizer que me decepcionei muito com o livro. Não consegui encontrar a mensagem positiva que procurava, infelizmente. Ainda sim, acredito que a leitura seja super válida para quem é cristão, ou simplesmente acredita em Deus.

18 comentários:

  1. Olá Mariana, sei exatamente o que é ler e não encontrar a mensagem que queria.
    Ao contrário de você, eu AMEI o livro. Gostei muito da imagem passada no livro. Mas vai de pessoa para pessoa.

    Beijinhos, Lu ★
    http://luizando.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Eu não sei pq as pessoas gostam desse livro, rsrs. Eu sinceramente não gostei nenhum pouco. Super concordo com vc quando diz q é difícil 'engolir' algumas passagens. Muiiitas das passagens não tem nd de acordo com a bíblia e tal. Tbm achei o livro super forçado e sentimentalista. Me arrependi bastante de ter comprado ele, por isso agora aprendi a sempre pesquisar um pouco do livro antes de comprar. Gostei da sua resenha! ;) Bjs.

    ResponderExcluir
  3. Oi, tudo bom? Espero que sim.

    Primeiro devo dizer que adorei seu blog, sério. Muito legal mesmo. É sempre bom conhecer blogueiros e ler coisas tão legais. Continue assim, ok? Estou seguindo e sempre que der passarei por aqui. Gostei mesmo!

    Sobre o post, só tenho uma coisa pra falar: adorei. Pena conhecer isso aqui só agora!

    Ah, também tenho um blog literário. Passa por lá depois. Quem sabe você não gosta do meu espaço? Ficaria agradecido, é claro!

    Deixo o link: http://www.diariodebordodeumleitor.com/

    Um abração,
    Igor Gouveia.

    ResponderExcluir
  4. Tenho esse livro aqui
    E você acredita que eu o abandonei...
    Mas vou retomar a leitura

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Tenho "A Cabana" aqui em casa. Minha mãe leu e amou esse livro, ele está até em minha meta de leitura.

    Amei o blog, já estou seguindo.

    Beijos

    http://olivrodasemana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Eu li esse livro há bastante tempo, não lembro com detalhes o que achei dele, mas lembro ter gostado bastante. Talvez se lesse agora que sou mais velha, tivesse outra visão dele, mas não sei se releria, o tempo é curto e a pilha é grande rs

    Beijos, Bianca
    http://behindenemyline8.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Parece livro de mãe não parece? Minha sogra adora ler, mas ela também concorda que eles forçam a barra algumas vezes!

    Michelle Boyd
    The Little Things

    ResponderExcluir
  8. Pois é vejo muitos lendo esse livro, mas ainda não li e nem tenho, gostei da sua sinceridade ;)
    Bjs
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Olá!!!, Deus te abençoe, Amiga o seu blog é um show, post maravilhoso amei, este livro é incantador amei, já estou te seguindo, CONVIDANDO VOCÊ PARA UM SORTEIO NO MEU BLOG, DE 1000 SEGUIDORES ERA A MINHA META COM 1000 SEGUIDORES EU FAZIA UM SORTEIO, E AGRADEÇO A DEUS E A VOCÊ QUE MIM SEGUE E AQUELES QUE VÃO MIM SEGUIR. Aguardo retribuição
    Curta e participe do meu blog, fan Page, twitter, instragam e canal do youtube.
    Blog:http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Devo confessar que sou apaixonada pelo livro. Não nego que achei ele meio forçado em alguns momentos, mas isso não impediu que eu chorasse canivetes em algumas partes. Sou meio apaixonada por parábolas e analogias,então A Cabana foi pra mim um prato cheio. Gostei de verdade.

    Adorei sua visita e amei seu site. *o*
    Pode ter certeza de que volarei mais vezes.
    http://ancoreblog.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Ainda não li esse livro e não pretendo ler.
    Minha mãe já leu, assim que lançou se decepcionou.
    Dei ele de presente ao meu noivo semana passado,achou bom, mas também esperava mais do livro.
    Já que não pretendo ler pedi para me contar. rsrsrs

    Beijos
    http://doceestante.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Sinceramente nunca quis ler esse livro.Acho que não faz muito meu gênero :x

    ResponderExcluir
  13. Gente, eu respeito a opinião de todos aqueles que não entenderam a mensagem do livro ou não estavam precisando ler ele no momento. MAS EU AMEI em todos os aspectos. O livro A CABANA foi escrito especialmente para pessoas que estão passando pelo mesmo dilema do protagonista, o Mack.
    Pois eu estava nesta situação e o livro me renovou todas as esperanças que haviam morrido dentro de mim.
    Parabens para você que não gostou. SIGNIFICA QUE NÃO ESTÁ PRECISANDO. Mas se um dia precisar, e espero que não, volte a ler este livro e vai ter uma visão totalmente diferente.

    ResponderExcluir
  14. Amo a cabana,Pra mim eu nao axei nada forçado porque la diz q Deus anao esta interessado se vc é cantor de fank ououtra coisa,,ele so esta interessado no seu amor por ele
    :)

    ResponderExcluir
  15. Achei simplesmente maravilhoso!
    É como o amigo que me emprestou disse: "Existe a minha vida antes de 'A Cabana', e a minha vida depois dele." Há muito preconceito sobre este livro, mas o que as pessoas precisam entender para o ler é que: se vc não o entender, ele simplesmente não foi feito pra vc. Se entende, entao leia outra vez! (http://portugues.free-ebooks.net/ebook/A-Cabana - ajudinha!)

    O livro é uma forma muito simples de falar sobre Deus, como um ser que nos ama como somos, e esta conosco todo tempo! Não é necessário uma ocasião especial para encontrar com Deus, Ele se faz presente em nossos corações SEMPRE! E o autor sem dúvida foi guiado por Ele para tocar o coração de muitas pessoas que precisavam dessa forma simples de enxergar à Deus!

    ResponderExcluir
  16. Oi adorei.. muito obrigado, amei a maneira que vc usou para descrever essa resenha...me fez se interessar pelo livro....mas vc já leu o livro reverso escrito pelo autor Darlei... se trata de um livro arrebatador...ele coloca em cheque os maiores dogmas religiosos de todos os tempos.....e ainda inverte de forma brutal as teorias cientificas usando dilemas fantásticos; Além de revelar verdades sobre Jesus jamais mencionados na história.....acesse o link da livraria cultura e digite reverso...a capa do livro é linda
    www.livrariacultura.com.br/scripts/resenha/resenha.asp?

    ResponderExcluir
  17. Nossa ameiii a resenha/resumo que vc fez! Vc me deixou super curiosa e afim de ler vou baixar ele agora mesmo no http://www.fantasiaebook.com/2014/05/a-cabana.html
    grátis.

    ResponderExcluir
  18. Eu, mesmo não sendo católico ou cristão (sou o tipo de pessoa pagã que acredita em todo tipo de força, seja ela boa ou ruim) fiquei apaixonado pela história do livro e muito mais do que isso, amei a forma que foram representadas as divindades. Esse é um livro que eu lerei mais vezes e que recomendo para qualquer um, não importa a religião ou crença. Adorei seu blog, já adicionei nos favoritos.

    Meu Blog: www.umcontainer.com

    ResponderExcluir

Deixe seu link para eu retribuir a visita :)
PS: Comentários ofensivos ou de divulgação serão ignorados.